L'oreal

Rio de Janeiro | RJ , 2012 (projeto)

Como parte de um relacionamento continuo com a L´Oréal, o escritório Davis Brody Bond foi convidado para participar de uma competição para as novas instalações do Rio de Janeiro. A configuração alongada do terreno e exigência de estacionamento e expansão tendeu para que o projeto se desenvolva de maneira linear. O módulo exigido para laboratório é de 6.4m. O módulo estrutural adotado é de 12.8m, permitindo 100% de flexibilidade interna dos espaços. Situado em uma Peninsula na Baia de Guanabara, o edifício foi implantado ao longo do lado sul do

terreno de forma a preservar o morro existente e sua vegetação nativa e minimizar o impacto visual na vizinhança. Todos os laboratórios foram orientados na face sul com vista panorâmica e luz natural enquanto que as salas de apoio se concentraram na face norte do edifício. Um sistema de fachada com uma pele de vidro simples e filtro solar permite o controle solar e evita superexposição da luz.